Artist Home Page

Artist Biography

Nome: sara vieira

Arte: Pintura

Nacionalidade: Portugal

Data de Nascimento: 1975-05-18

URL: http://tintasepinceis.blogs.sapo.pt


sara vieira Pintura Portugal

Biografia:

Sara Vieira - de seu nome completo Sara Ramos Vieira de Matos - nasceu em Lisboa, Portugal, a 18 de Maio de 1975. 
Adora desenhar, pintar e escrever desde que se conhece. 
Sempre se perdeu no planeta dos papéis, das telas, dos lápis e dos pincéis. 
Frequentou a licenciatura de Sociologia, na FCSH, da Universidade Nova de Lisboa. 
Foi jornalista com carteira profissional durante cerca de uma década. 
Actualmente, escreve e pinta. Dedica-se por completo a estas duas formas de Arte. 
No ramo da Pintura, frequentou dois anos e meio (de 2008 a 2010) o Curso/Atelier de Desenho e Pintura da P.F., com a professora Sandra Ramos (licenciada em Design pela Faculdade de Belas Artes de Lisboa e com o curso de Desenho da SNBA). Curso - onde lhe foram ministradas técnicas de desenho a lápis, carvão, grafite, tinta da china, pastel seco, pastel de óleo e pintura em aguarela, acrílico, óleo e técnica mista. 
Porém, desde a mais tenra infância que o cheiro da pintura a óleo, que os pincéis de pêlo de marta ou as barras de carvão e o miolo de pão, tal como os tubinhos de aguarela e guache lhe são familiares. Crescer numa casa com o padrinho, o pintor Acácio Tomé, onde se pintava e desenhava todos os dias foi, sem dúvida, algo marcante e feliz. 
Desde 2007 que começou a expor o seu trabalho ao público. 
Já expôs em galerias, museus, centros culturais de todo o Portugal e no estrangeiro (foi inclusive a única artista portuguesa convidada a participar numa exposição internacional de grande projecção, que tem lugar no México, EUA e Espanha). 
Expôs individual e colectivamente. 
Participou e foi seleccionada em alguns concursos, particularmente nos que se destinam à promoção e descoberta de Novos Talentos/Jovens Artistas. 
A sua obra faz parte de colecções privadas e também de acervos municipais. 
Está representada em várias galerias virtuais, como sejam a Galeria Aberta.com, a Galeria Da Vinci, a Galeria Alborques, a Artelista e a Artmajeur. 
É sócia da APARTIS, Académie Européene des Arts e do Círculo Artur Bual. 

Exposições:

EXPOSIÇÕES NACIONAIS: 
- Exposição Colectiva no Banco Português do Atlântico, seleccionada (e premiada) no concurso “O Banco”, em 1988 
- Exposição Colectiva de Pintura na Junta de Freguesia de Campolide (Lisboa), integrada nas Comemorações do Dia Internacional da Mulher, em Março de 2007 
- Exposição Colectiva de Pintura no Fórum Cultural de Alcochete, seleccionada no Concurso “O 25 de Abril – Visões Contemporâneas” 2ª edição, Abril/Maio de 2008 
- Exposição Colectiva de Pintura na Kabuki Galery, na freguesia dos Anjos em Lisboa, seleccionada no Concurso “Mostra de Arte nos Anjos 2008”, 1ª edição, de 26 de Setembro a 22 de Novembro de 2008 
- "1ª Exposição Colectiva Premium da Galeria Aberta", no Hotel Albatroz, de 8 a 13 de Dezembro de 2008  
- Exposição Colectiva do Concurso “Jovens Criativos”, 1ª edição, organizado pelo Departamento da Juventude da Câmara Municipal do Montijo, no Museu Municipal do Montijo, de 13 de Fevereiro a 31 de Março de 2009 . Além disso, foram também efectuadas réplicas das obras expostas no Museu e colocadas numa das principais artérias do Montijo 
- Exposição Colectiva na montra da Papelaria Fernandes da Rua do Ouro, Março de 2009 
- Exposição Colectiva "Pictoremas", no Centro Cultural de Esgueira , em Aveiro , de 16 a 29 de Maio de 2009 
- Exposição Colectiva "A diferença na Diferença", no Hotel Sana Malhoa, em Lisboa, de 4 a 17 de Junho de 2009. 
*Uma mostra de solidariedade a favor das crianças autistas que culminou com um leilão no dia 17 de Junho de 2009, realizado pela conceituada leiloeira portuguesa Leiria e Nascimento 
 
- Exposição Colectiva "TRIPART'09" (1º Grupo) no Museu Etnográfico da Praia de Mira, de 7 a 19 de Junho de 2009 
- Exposição Colectiva "TRIPART'09" no Centro Cultural da Nazaré, de 27 de Junho a 19 de Julho de 2009 
- Mini-colectiva (Sara Vieira, Margusta e Nuno Duque) na Galeria de Turismo da Nazaré, de 31 de Agosto a 9 de Setembro de 2009 
- Exposição Colectiva "TRIPART'09" no Museu Regional de Oliveira de Azeméis, de 5 a 27 de Setembro de 2009 
- Exposição Colectiva “VOUZEL’ART 09” no Museu de Vouzela, de 3 a 15 de Outubro de 2009 
- Exposição Colectiva “Arte Solidária – Multideficiência em Oiã”, no Salão Nobre da Câmara Municipal de Oliveira do Bairro de 28 de Novembro a 11 de Dezembro de 2009. Doação de obra para leilão que se realizou no dia 12 de Dezembro de 2009 
- Exposição Colectiva “CAMPIN’ART”, na Galeria de Arte do Conservatório Regional do Algarve Maria Campina, em Faro, de 11 a 30 de Dezembro de 2009 
- Exposição Colectiva “AO REDOR DA PESCA”, no Centro Cultural da Nazaré, de 16 de Janeiro a 7 de Fevereiro de 2010 
- Participação com uma obra no leilão "Arte Moderna e Contemporânea" da conceituada leiloeira Leiria e Nascimento, antecedido por uma semana de exposição na sede da referida, em Lisboa, 4 de Março de 2010 
- Exposição colectiva "Macieir'Arte", na Câmara Municipal de Armamar, de 17 de Abril a 31 de Maio de 2010 
- Participação num fim de semana de Pintura ao Vivo em Armamar, cuja obra produzida faz hoje parte do espólio/acervo da Câmara Municipal de Armamar, de 17 a 18 de Abril de 2010 
- Exposição colectiva de pintura “Momentos de Arte” na Galeria DartGallery, em Aveiro, de 24 de Abril a 10 de Maio de 2010  
- Artista convidada para a Exposição colectiva "Máquina do Mundo", no Centro de Congressos de Aveiro, de 21 a 27 de Maio de 2010 
- Exposição colectiva “ROMÂNIC’ART” em Boelhe /Penafiel, de 31 de Maio a 30 de Junho de 2010 
- Exposição colectiva "OLIBART'10", na Câmara Municipal de Oliveira do Bairro, de 5 a 30 de Junho de 2010 
- Artista convidada para a Exposição "Outras formas de ver e sentir o futebol" no Museu Etnográfico da Praia de Mira, de 12 de Junho a 12 de Julho de 2010 
- V Encontro de Pintura ao Vivo em Monte Abraão (Queluz), este subordinado ao tema “Exclusão Social”, 10 de Julho de 2010 
* Com exposição na Junta de Freguesia de Monte Abraão de 12 a 23 de Julho de 2010 
 
- Exposição colectiva “ESTORIL’ART” na Junta de Freguesia do Estoril, de 16 a 31 de Julho de 2010 
- Artista convidada para a Bienal de Sesimbra, 31 de Julho a 29 de Agosto de 2010 
- Exposição colectiva “Art’Inova”, na Galeria Mafalda D’Eça, no Monte do Estoril de 5 a 26 de Agosto de 2010 
- Artista convidada pela organização para a Exposição colectiva de Pintura "Art’Inata", na Nazaré, de 21 de Agosto a 26 de Setembro de 2010 
- Exposição mini-colectiva (de 5 artistas: Célia Ribeiro, David Maciel, Eduardo Abrantes, Kim Molinero e Sara Vieira), “Trajectórias do Olhar”, na Galeria de Turismo da Ericeira, de 4 a 17 de Setembro de 2010 
- Participação no “Salão de Artes Plásticas de Outono de S. Francisco”, na Junta de S. Francisco, em Alcochete, nas modalidades de Pintura, Desenho e Fotografia, de 9 a 31 de Outubro de 2010 
- Exposição colectiva “Samora’Arte” em Samora Correia, de 5 de Outubro a 13 de Novembro de 2010 
- Exposição colectiva “Marvão Arte”, na Casa da Cultura do Marvão, de 2 de Dezembro de 2010 a 31 de Janeiro de 2011 
- Exposição colectiva “Alportelarte’10”, na Galeria da C.M. de S. Braz de Alportel, Algarve, de 4 a 31 de Dezembro de 2010 
- Exposição colectiva de solidariedade “Arte 10 x 15”, na Galeria da Casa Pia, para angariação de fundos para a compra de materiais para as crianças da Casa Pia, de 15 a 17 de Dezembro de 2010 
- Artista convidada para expor no "I Salão Internacional de Primavera do Porto", da Galeria Vieira Portuense, em 2011 
- Exposição solidária a favor das “Amigas do Peito” (luta contra o cancro da mama), no Hospital de Santa Maria, em Abril de 2011 
 
EXPOSIÇÕES INDIVIDUAIS: 
- Exposição “Alma Ibérica”, na Câmara Municipal de Oliveira do Bairro, de 17 de Outubro a 4 de Novembro de 2009 
- Exposição “In my World”, na Galeria do posto de turismo da Moita, de 7 a 18 de Junho de 2010 
- Exposição “Feelings”, na Casa da Cultura do Marvão, de 1 a 31 de Agosto de 2010 (uma obra passou a fazer parte do acervo municipal do Marvão) 
- Exposição na Galeria Elzed, Almada, no mês de Março de 2011 
 
EXPOSIÇÕES INTERNACIONAIS: 
- Exposição Colectiva na Sala Central - Galeria Martin Cerdó, na ilha balear de Maiorca, Espanha, de 9 a 19 de Abril de 2009 
-Única artista portuguesa convidada para participar na Exposição Colectiva "200 Años después", por ocasião das comemorações do Bicentenário da Independência do México. Esta exposição com grande projecção internacional circulará por 3 países, com as seguintes datas de inauguração das exposições: 
* 28 de Setembro de 2010 - Galería Principal del Instituto de Cultura de Baja California, Tijuana B.C., México 
* 19 de Novembro de 2010 - Consulado do México em Los Angeles, California, Estados Unidos. 
* Janeiro de 2011 - CEART (CENTRO ESTATAL DE LAS ARTES), B.C.Mexicalis, Baja California, México. 
* 19 de Abril de 2011- Galería de Arte Patricia Muñoz, em Barcelona, Espanha.  
- Exposição colectiva no Museu do Crato , Cariri, Ceará, Brasil, no primeiro trimestre de 2011 
- Exposição colectiva no Memorial da Cidade de Curitiba, Curitiba, Brasil, no primeiro trimestre de 2011 
- Exposição colectiva no Rio de Janeiro, Brasil, no primeiro trimestre de 2011 
 
MÉRITOS: 
- 1º Prémio de Desenho atribuído pelo BPA (Banco Português do Atlântico), em 1988 
- 2º Prémio - Menção Honrosa Grau Ouro, atribuído na Exposição Colectiva "TRIPART'09" na Nazaré, em Junho/Julho de 2009, em que participaram 43 artistas 
- 2º Prémio - Menção Honrosa Grau Ouro, atribuído na Exposição Colectiva "AlportelArte’10"em S. Brás de Alportel (Algarve), em Dezembro de 2010, em que participaram 24 artistas 
 
OUTRAS CONSIDERAÇÕES: 
- Prémio literário (2º) atribuído pela editorial “Caminho” em 1988  
- Em 2007, foi convidada pela Junta de Freguesia de Campolide (Lisboa) para integrar um grupo restrito de apoio/ajuda na elaboração da sua Agenda Cultural 
- Escreveu o prefácio do livro “Asas de Borboleta”, de João Cordeiro (2008) 
- Participação num workshop de Pintura no Tamariz, Estoril, em Julho de 2008 
sara vieira Contemporary Art Painting/Pintura Um mundo por descobrir

Exhibit Name:

Title: Um mundo por descobrir ( 2008)

Sale: For Sale

Price: 0------

Size: 100x80 Cm

Art: Painting/Pintura

Technique: Acrylic

Comments:

Interview

Como se iniciou na Arte?

Sempre gostei de desenhar e pintar. O meu padrinho era pintor e vivia comigo. Costumava entreter-me com desenhos e deixar-me usar os seus pinceis... Ña escola, adorava as aulas de Educação Visual, onde, sem a professora saber também fazia os trabalhos de alguns colegas...

Quem é/foi o seu mestre?

O meu padrinho, Acácio Tomé, é, sem dúvida, o impulsionador pelo meu amor pela Pintura. A minha professora, Sandra Ramos, mostrou-me horizontes maiores e é alguém a quem muito admiro a sabedoria e a forma generosa e empolgada com que a passa aos seus alunos...

Acha Importante a Formação ou prefere o Autodidata?

Desde sempre a História nos mostrou que ser autodidacta não é ser inferior. Pelo contrário, temos muitos artistas autodidactas muito bons e de mérito reconhecido. E temos muitos com formação que fazem um trabalho que, pessoalmente, não admiro. Mais importante do que a formação é a vocação! Mas penso também que para tem vocação adquirir alguma formação pode ser sinónimo de aperfeiçoamento. Depende da necessidade e do interesse de cada um. Acima de tudo, o acto de CRIAR deve ser livre, podendo fazer ou não o uso de uma formação mais académica...

É possível viver da Arte?

Ser possível é, de certeza! Contudo, isso é algo bastante difícil. Penso até que um sonho para a maioria dos artistas. Para isso, além de trabalho árduo também é precisa um pouco de sorte... Como em tudo na vida.

Inspiração ou Transpiração?

Pergunta complicada!!!! Se houver inspiração certamente que haverá transpiração!

Os seus 3 favoritos Artistas Vivos e Mortos

Difícil!!!! Só três?! Bem... Munch, Botero e há vários terceiros, incluindo artistas emergentes portugueses...

Obra de Arte que gostava de ser o Autor e Porquê

A Arte tem Preço?

Tudo tem preço... A vida é assim... Mas, realmente, há obras que não deveriam ter preço ou necessidade de se venderem...

Tudo pode ser Arte ou existem limites?

Como artista sinto-me quase na "obrigação" de dizer que a Arte não tem nem deve ter limites, obviamente. Porém, há muita coisa a que chamam "Arte" na qual não vejo Arte alguma... Vejo comercialização massiva, pobreza de espírito de quem a produz e de quem a compra...

Arte Digital. Sim ou não?

Sim... claro! Existem coisas fantásticas em Arte Digital! Embora, eu prefira a "Analógica", hehe!

Interview

Como se iniciou na Arte?

Desde a infância que a Arte esteve presente na minha vida, já que o meu padrinho - com quem vivia - era pintor. Lembro-me que ele costumava desenhar-me as personagens dos filmes animados que eu preferia, recortá-las, colar-lhes um papelão atrás por forma a que ficassem de pé e eu pudesse brincar e inventar mil aventuras com elas. Deixava-me usar as suas tintas, os seus pinceis... O desenho e a pintura tinha um enorme destaque, até fazia concursos com os amigos... Adorava as aulas de Educação Visual no liceu e tinha sempre muito boas notas. Mas acabei por escolher outra profissão. Já na casa dos 20, comecei a pintar a sério para mim, até que uma coisa leva a outra e vi-me a participar na primeira exposição em 2007, a frequentar um curso de Desenho e Pintura em 2008... E as coisas foram acontecendo a uma velocidade luz...

Quem é/foi o seu mestre?

Em parte, tenho que falar no meu padrinho Acácio Tomé, que me despertou o interesse para a pintura e que me ensinou diversas coisas quando eu permanecia no caminho dos auto-didactas. Actualmente, é Sandra Ramos, a professora que me dá aulas há dois anos.

Acha Importante a Formação ou prefere o Autodidata?

Um autodidacta é, na minha opinião, mais facilmente criativo, espontâneo e talvez até consiga construir um estilo pessoal mais depressa. Porém, também pode ter ideias que não consiga colocar em prática como idealizaria por falta de conhecimentos. Falo da minha experiência própria. A formação é bastante importante, é sempre um acréscimo. Desde que seja uma boa formação e não é necessário que seja numa faculdade de Belas Artes. O autodidata tem, por seu lado, também um encanto. Acho que ambas têm valor e devem ficar ao critério de cada um. Eu optei pelas duas, em alturas/etapas diferentes da minha vida. Segui as minhas vontades, o meu instinto.

É possível viver da Arte?

Penso que é. Conheço vários casos. Mas não é para a maioria. E não quer dizer que seja só para os melhores... É possível com muita força de vontade, sacrifícios e SORTE. Apenas para uma minoria, os outros terão que se contentar em repartir-se pela Arte e por outro qualquer ofício que os ajude a pagar as despesas.

Inspiração ou Transpiração?

Ambas. Decididamente, ambas! É precisa a ideia e o seu amadurecimento e libertação.

Os seus 3 favoritos Artistas Vivos e Mortos

Essa pergunta é terrível!!!!! Escolher só 3 é uma enorme maldade! Não sei se a resposta é assim tão verdadeira, mas enfim... Munch, Botero e Modigliani... Também tenho vários portugueses, vivos e até emergentes!

Obra de Arte que gostava de ser o Autor e Porquê

Não vou dizer a Mona Lisa nem a Guernica... Não sei... Talvez uma escultura de Rodin... Porque adoro a figura humana, porque é magistral... Mas haveria muitas esculturas e pinturas de outros artistas...

A Arte tem Preço?

Definitivamente, tem. Tudo tem preço...até a própria vida, infelizmente. Se por um lado devia ter um preço bem alto, de acordo com a sua beleza, por outro seria injusto para quem aprecia o belo e não tem posses. Para um artista cada obra que cria é uma e~spécie de filho... Mas acho que devia deixar de ter preço pelo nome de quem assinou a peça e sim pela qualidade de cada trabalho. 

Tudo pode ser Arte ou existem limites?

Á luz de certas filosofias, tudo pode ser Arte e não existem limites. Á luz dos meus olhos, certamente que nem tudo é Arte. Muita é pseudo-arte. Depende dos olhos, dos valores éticos, morais, etc., de quem observa e cria. Por exemplo, há uns tempos uma notícia difundida pela net sobre um artista que fez uma instalação com um animal vivo, deixando-o morrer de fome... Onde está a Arte aí?! Não vejo qualquer arte, só desumanidade, presunção, loucura, frieza, repulsa... Um pintor famoso saca de um cadernito e faz um único risco... que só porque o assinou será vendido por uma exorbitância...é Arte?! Que esforço, criatividade, vontade utilizou?! Apenas a energia de pousar o lápis na vertical...

Arte Digital. Sim ou não?

Porque não?! Temos que evoluir com o tempo. A fotografia é arte, sempre o foi. Portanto, porque não Arte Digital?! Não são necessárias imaginação, criatividade e técnica para criar obras de arte Digital?! Então... acho que está respondido. Apesar de continuar a gostar muito da Arte manual...

No image in this album yet

Other Works

 
 
   

Other Alborques Artists

Aghayee

Aghayee  

george

george  

RobinAntar

RobinAntar  

bug

bug